es
NXT IN MKT

A idade é só um número

A idade é só um número A idade é só um número A idade é só um número
Invitamos

 

Há 146 anos que a Caixa Geral de Depósitos é referência no setor bancário português. De capitais 100% públicos, a CGD conquistou a Confiança de mais de 3,4 Milhões de clientes.

 

O segmento sénior representa uma oportunidade para aprofundar a relação com o Banco, mas também um desafio para assegurar a sua inclusão e transição para meios mais digitais.

 

A Caderneta – do papel ao digital

 

A Caderneta é um desses exemplos. Nasceu em 1876 e assumiu o formato de app, tornando-se numa solução de inclusão digital, procurando promover a digitalização da população mais idosa.

 

Desenvolvido em cocriação com clientes para que a solução atendesse totalmente às suas necessidades, a “nova caderneta” faz tudo o que a antiga fazia: levantamentos, consulta de saldos e movimentos, transferências, pagamentos de serviços.

 

Para a transição para este suporte, foi adotada uma estratégia de proximidade na rede de agências, com ações lideradas por funcionários da CGD reformados, para garantir que as pessoas com mais barreiras à adoção destas novas soluções pudessem ter o apoio personalizado necessário para a sua inclusão digital.

 

O efeito Pandemia

 

A COVID-19 veio acelerar a transição digital. Em 2021, a CGD consolidou a liderança como Banco Digital dos Portugueses, com crescimentos no nº de clientes digitais ativos, incluindo no segmento sénior, ultrapassando os 2 milhões de clientes digitais (particulares e empresas). Exemplo disso foi o forte crescimento da contratação on-line: como os Planos de Poupança Reforma (+ 779%); Crédito Pessoal on-line (+196%) e a subscrição de Fundos de Investimento (+69%).

 

Aposta na Literacia Financeira e Digital

 

O investimento em projetos de responsabilidade social e literacia financeira é uma das prioridades da CGD.

Criado em 2007, o Saldo Positivo foi o primeiro projeto em Portugal de literacia financeira.

 

Outro exemplo, o Programa EUSOUDIGITAL, no qual a Caixa é Investidor Social, que pretende promover a literacia digital de 1 milhão de portugueses e conta com os colaboradores da CGD e as suas famílias como voluntários.

 

São iniciativas como estas que nos mostram a importância de continuarmos, todos os dias, a criar serviços de excelência com vista à promoção de uma comunidade mais inclusiva e mais digital, porque a idade é só um número.

Inês Branco Coordenadora de Comunicação Digital e Conteúdos Direção de Banca Digital
Firma Inês Branco  Coordenadora de Comunicação Digital e Conteúdos Direção de Banca Digital